Seu Navegador não tem suporte a esse JavaScript!
Total de Visitas:    
Online:
  • Marquinhos Roque - PMDB
  • Vereadores
    LEGISLATURA 2017/2020
    Presidente Atual
    Marquinhos Roque
Proxima Sessão

Sessões Ordinárias
Todas as Terças e Quintas
às 19:00
Data: 10/02/2017 Hora: 00:00:00
Diversas temáticas são apresentadas pelos vereadores
Webline Sistemas

A terceira sessão ordinária na Câmara Municipal de Paranaguá, ocorrida na quinta-feira, 9, teve mais de três horas de duração. Isso aconteceu devido ao grande número de requerimentos apresentados para apreciação e votação dos vereadores. Devido à profundidade dos assuntos, muitos debates ocorreram entre os representantes do Legislativo municipal, circunstância que elevou a qualidade das discussões na longa sessão.

 

SALAS DE AULAS

Entre os 18 requerimentos votados, um deles, o do vereador Nóbrega (PRTB), teve como objetivo o pedido de construção de duas salas de aulas na Escola Rural Municipal José Chemure, na Colônia Maria Luiza, sendo uma sala para a Educação Infantil e outra para o Ensino Fundamental. O vereador pede ainda que as obras contenham acessibilidade a cadeirantes e adaptação dos sanitários na instituição para os portadores de necessidades especiais.

 

OPERAÇÃO COMBOIO

Já o vereador do PHS, Adriano Ramos, requer explicações, advindas da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa), a respeito da não realização da Operação Comboio na cidade. O parlamentar trouxe o debate devido aos recorrentes roubos de cargas que ocorrem nas vias portuárias, como a Avenida Bento Rocha. “Centenas de caminhoneiros trafegam diariamente por vias que dão acesso ao porto, vindos de várias regiões do país. Muitos motoristas viajam centenas de quilômetros para chegar ao Porto de Paranaguá, pagando valores com as tarifas de pedágio que ultrapassam os R$500, e quando chegam na Avenida Bento Rocha, a poucos quilômetros da entrada do Porto, têm parte da carga roubada”, justificou. Estima-se que sejam roubadas, por dia, cargas equivalentes a duas carretas. “A volta da Operação Comboio traria maior segurança a estes motoristas”, acrescentou o parlamentar.

 

SEMÁFOROS

O vereador Jozias da Negui (PDT) se mostrou preocupado com a questão dos equipamentos semafóricos do município, por isso elaborou um requerimento em que pede à Prefeitura de Paranaguá explicações sobre o contrato com a empresa vencedora do processo licitatório para a compra dos semáforos. Dentro do mesmo assunto, o vereador Nóbrega pediu a convocação do Secretário Municipal de Segurança, o senhor João Carlos, para vir à Casa de Leis e prestar explicações sobre o tema.

 

CENTRO DA JUVENTUDE

O vereador Ratinho (PSB) recebeu o apoio dos demais pares e viu aprovado o pedido de informações, junto a Secretaria de Estado da Família e Desenvolvimento Social, a respeito da obra abandonada do Centro da Juventude, localizado no bairro Bertioga. O vereador Waldir Leite (PPS) pediu uma parte, para também falar do assunto, e informou que o processo está judicializado, ou seja, somente após uma decisão da Justiça é que se poderá definir se obra seguirá sendo feita. O imbróglio, segundo Leite, estaria na questão dos pagamentos, os quais a empresa alega não ter recebido do governo estadual para dar seguimento à obra. Por sua vez, o Estado diz que as fazes da obra não foram cumpridas para que os repasses fossem autorizados.

 

Data: 10-02-2017 00:00:00